Confira a agenda da Bienal


Curadoria, júri e novas perspectivas crítica para as artes visuais

Diógenes Moura, curador da 12a Bienal Naïfs do Brasil, falará sobre a proposta de curadoria para a presente edição do projeto. Antônio Santoro Jr, crítico de arte, apresentará as conclusões preliminares do seu recente estudo sobre a presença do binômio azul/vermelho nas artes visuais e sua relação com a observação do céu. Kelly Teixeira e Valdeck de Garanhuns, integrantes do júri de seleção, falarão sobre as inovações formais, técnicas, de suporte e conteúdo presentes nos trabalhos selecionados.

Dia 8, sexta, às 13h30.

Teatro. Grátis.

 

Oficinas

- Fotopinturas

Maior fotopinturista vivo do país, Mestre Júlio, que vive em Fortaleza – CE e faz fotopinturas desde a década de 60, compartilha um pouco do seu conhecimento sobre o oficio, que está desaparecendo. Aos 69 anos, Mestre Júlio fez a transição do analógico para o digital e hoje trabalha no computador com um programa de edição de imagens.

Dias 8, 9 e 10, sexta das 18h30 às 21h30, sábado das 14h às 17h e domingo das 13h às 16h.

Internet Livre. Grátis.

Inscrições na Central de Atendimento ou pelo e-mail inscricao@piracicaba.sescsp.org.br, informando nome do curso, nome completo do participante, idade e telefone.

Para participar é necessário trazer lápis e caderno.

 

Pintura em Cabaças

Com José de Almeida Filho.

Mestre Zequinha, como é conhecido nas rodas de capoeira de Angola, ensina sua técnica de pintura de cabaças.

Dias 16, sábado, 10h.

Comedoria. Grátis. Não recomendado para menores de 16 anos.

 

Pintura em Tela

Arte educadora, ilustradora e artista naïf, premiada no 5o Prêmio Brasil Contemporâneo de Artes, Mônica Alvarenga ensina através de suas pinceladas, como iniciar-se na arte naïf.

Dia 30, sábado, 10h.

Comedoria. Grátis.

 

Ateliê Aberto

Pintura em tela

Com Orlando Fuzinelli.

Artista que se intitula primitivista e autodidata. Participou da Bienal de Arte Naif de 1994 a 2008. Neste ateliê aberto, ensina sua técnica de pintura em tela.

Dia 23, sábado, 13h.

Hall de Entrada. Grátis.

 

Encontro de Formação em Arte Popular

Com a equipe do Zebra 5.

O encontro abordará a diversidade da arte visual popular do país, com suas pinturas, esculturas, xilogravuras, bordados, rendas, etc. Durante a atividade, estratégias pedagógicas e lúdicas de mediação em arte educação serão apresentadas.

Dia 14, quinta, 13h30.

Teatro. Grátis.

Para educadores e interessados em geral.

Inscrições na Central de Atendimento ou pelo e-mail inscricao@piracicaba.sescsp.org.br, informando nome do curso, nome completo do participante, idade e telefone.

 

 

3º Rio das Artes

O circuito de ateliês e exposições abertas realizado pelo Sesc em 2010 e 2011 ganha nova edição. A partir de um mapa guia e um roteiro de atrações artísticas, van disponibilizada pelo Sesc leva, depois de visita à Bienal Naïfs do Brasil, os interessados a conhecer o ambiente criativo dos ateliês e pontos da exposição de artes visuais da cidade. O evento conta com o apoio da SEMAC, SETUR e APAP.

Dias 9 e 10, sábado e domingo, das 10h às 17h.

Saídas de van: 10h, 11h, 12h, 13h, 14h,15h, 16h, do estacionamento do Sesc.

 

Show Rio das Artes

Grupo de Maracatu e Turma do Bloco da Ema embala ciranda de artistas e público em confraternização à beira do Rio Piracicaba.

Dias 9 e 10, sábado e domingo, 18h.

Largo dos Pescadores. Grátis.

 

6º Fórum das Tradições Populares de Piracicaba

Encontro anual dos defensores, produtores e fazedores da cultura popular tradicional de Piracicaba. Um momento para reflexão e debate sobre a situação atual desses artistas e suas dificuldades e incentivos para preservarem manifestações que expressam a riqueza cultural caipira como o batuque de umbigada, o cururu, a catira, o samba lenço, a congada e a Festa do Divino e a viola caipira. Próximos das comemorações dos 250 anos de Piracicaba, em 2017, os organizadores pretendem redigir a 2a Carta em Defesa das Tradições Populares de Piracicaba.

Realização: Fórum Permanente em Defesa das Tradições Populares de Piracicaba.

Apoio: Sesc, Centro Cultural Martha Watts, UNIMEP, Ponto de Cultura Garapa

23, sábado, 14h.

Sítio da Família Soledade em Pau Dalinho. Grátis.

Saídas do ônibus em frente ao Sesc às 15h. Retorno às 19h.

24, domingo, 11h.

Teatro. Grátis.

 

Personalidade em Destaque

Histórias da vida real, associada a uma causa de relevância seja na área profissional, pessoal ou social. O relato de instigantes experiências de vida de pessoas acima de 60 anos, com boas histórias para contar. Especial 12a Bienal Naifs do Brasil. Com Elizabeth Elias, autodidata e artísta Naïf.

Dia 20, quarta, 14h.

Teatro. Grátis. Não recomendado para menores de 16 anos.